Seu filho cresce e começa a pedir para escolher a roupa que vai usar no dia. Nada mais natural, já que o processo é comum e muitos dos pais aceitam sem grandes complicações. Só que eles continuam a crescer e pedem para se vestirem sozinhos, sem nenhum tipo de ajuda ou intervenção.

Por mais natural que isso pareça, muitos pais acabam freando o desenvolvimento dos filhos, pois ficam muito preocupados com o tipo de roupa que eles escolhem. Deixar que os pequenos de tornem independentes pode ser difícil, não é mesmo?

Confira no post de hoje qual é o momento certo para deixar os filhos se vestirem sozinhos e sofra menos com isso.

Devo estimular meu filho a se vestir sozinho?

A tarefa de começar a se vestir por conta própria faz parte do amadurecimento na vida de qualquer pessoa e deve ser estimulada pelos pais. É claro que essa tarefa não deve ser realizada por uma criança que ainda tem 1 ano, até mesmo porque ela não possui habilidade física para esse tipo de ação.

Ainda assim, conforme a criança vai crescendo e consegue fazer isso, é bom estimulá-la e ajudá-la nessa experiência. O processo costuma começar por volta dos 2 anos; no momento em que isso começar a acontecer, não deixe de dar feedbacks positivos e de estimular a postura.

O que fazer quando a roupa não é adequada?

Muitos pais ficam totalmente perdidos quando percebem que seus filhos colocaram o uniforme da escola para aquele almoço de domingo ou quando a roupa infantil é totalmente inapropriada, como casacos no auge do verão. Pode parecer bobagem, mas esses já são traços da personalidade e devem ser respeitados.

Nesses tipos de caso, é bom ter cautela e conversar com a criança, explicando a respeito do clima e mostrando que ela não precisa daquela roupa, no momento. Se a criança insistir e quiser usar assim mesmo, a melhor saída é deixar e respeitar a escolha.

Como transferir a responsabilidade?

A responsabilidade deve ser passada aos poucos, entendendo que é importante dar espaço aos pequenos. 

Faça com que seu filho comece a executar a tarefa de se vestir sozinho de vez em quando, esperando que ele faça realize todo o processo. É muito importante se segurar para não intervir a cada momento, mesmo que demore bastante tempo.

Outra boa alternativa é fazer com que a criança comece escolhendo looks prontos. Ela vai demonstrando sua seu gosto pessoal, porém de acordo com os modelos mais aconselhados para cada tipo de situação.

Com o passar do tempo você vai perceber que seu filho tem um grande prazer e se sente realizado ao fazer as coisas por conta própria.

Devo arrumar, caso esteja errado?

Caso você perceba que a camisa está abotoada de forma errada ou que o pé do sapato está trocado, você pode ajudar, principalmente no começo. Depois de um tempo, deve começar a incentivá-lo a fazer isso isso por conta própria.

O importante é dar um passo atrás e oferecer o tempo que seu filho precisa para se vestir sozinho. Na correria ou na pressão pode ficar bem mais difícil, concorda?

Agora que você leu sobre quando e como deixar os filhos se vestirem sozinhos, fique de olho para quando a hora chegar. Por mais difícil que pareça em um primeiro momento, pense como é relevante para o desenvolvimento dos pequenos.

Ficou com alguma dúvida sobre o assunto ou quer compartilhar a experiência do seu filho? Deixe seu comentário.