Os pais da Maria Clara se dedicaram bastante para organizar seu batizado. Como bebês crescem de forma rápida, claro, eles já sabiam que teriam que comprar a roupa que ela iria usar em uma data mais próxima a do evento, assim eles podem garantir que ela irá servir sem problemas.

É chegada a hora de escolher o que Maria Clara vai vestir nessa data tão importante, e foi aí que as dúvidas dos pais dela surgiram aos montes. O que é mais relevante na hora de escolher a roupa de batizado? É obrigatório usar branco? E o mandrião, também é indispensável?

Você vai perceber que as respostas vão variar muito de um bebê para outro. Cada família tem um estilo que pode variar desde o mais tradicional e elegante ao mais criativo e casual. Além disso, outro fator que pode influenciar sua decisão é o clima, por exemplo. Vamos desvendar esses e outros fatores nas dicas a seguir!

Que tecido vai unir beleza e conforto? 

Antes de qualquer coisa a gente já sabe que o bem estar do seu bebê vem em primeiro lugar, portanto, é importante avaliar primeiro o clima que vai estar vigente na sua cidade para definir se você vai precisar escolher roupas de tecidos mais leves ou mais quentes.

Em caso de clima quente você pode apostar em tecidos de fibra natural, menos bordados e babados, com toque macio, o que vai inclusive evitar alergias. Já em tempo frio, aposte, por exemplo, em veludos aconchegantes. No caso das mamães que preferem um pouco mais de detalhes, é legal apostar em bordados renascença, casinhas de abelha, entre outros. 

Quais peças de roupa de batizado são ideais?

É nessa etapa que o estilo fala mais alto. A roupa mais tradicional para batizados é o mandrião, uma peça que se assemelha a um vestido bem longo, e que é tradicionalmente utilizado por bebês independente do gênero, a única diferença é que os mandriões para meninas costumam ser mais adornados.

Se você é mais tradicional, provavelmente vai preferir utiliza-lo, mas temos dicas de outras peças mais modernas que também podem ficar elegantes, como jardineiras combinadas com camisetinhas de botão ou macacões para o tempo frio, ou bermudinhas combinadas com camisas e coletes, e vestidinhos para o tempo quente. 

Todas as peças citadas com certeza possuem versões mais simples e mais adornadas. A quantidade de adornos, portanto, vai ser muito influenciada pelo estilo da família, principalmente da mãe.

O branco é realmente indispensável?

O branco é a cor tradicional do batismo, se você fizer uma busca rápida na internet você vai perceber que o branco e praticamente unânime em batizados de filhos de famosos brasileiros como a atriz Sophie Charlotte, a modelo Carol Trentini e apresentadora Daniela Albuquerque.

Além do branco, utiliza-se também tons bem claros e cores pasteis, principalmente o pérola, assim como Kate Middleton utilizou no batizado de Príncipe George, seu filho. Se você gosta de manter a tradição, também pode optar por essas cores. 

No caso da mamãe menos tradicional que gosta inovar, é válido utilizar peças neutras em tons de azul, cinza e bege por exemplo, sempre combinadas com uma outra peça branca, mas vale ressaltar que essa é uma ideia mais utilizado no caso dos bebês que são meninos.

E quanto aos acessórios?

A primeira coisa que vem em mente são os sapatinhos, não é mesmo? Aposte nos sapatos brancos para reforçar a pureza do momento do batizado. Dê preferência para sapatos fechados, ou opte por sandalhas caso o clima esteja quente.  

Além disso, para complementar, você pode optar por gravatas, ou chapéis, laços e tiaras de tecidos confortáveis que sejam fáceis de remover. Lembre-se que se a roupa já tiver bastante adorno, o acessório não deve brigar com isso, e vice versa.

Agora você já esclareceu como escolher a roupa de batizado do seu bebê, mas sabe que vestir seus filhos vai ser uma tarefa constante por muito tempo, certo? Sempre haverão itens indispensáveis a cada fase, seja na infância, seja na pré-adolescência, até que eles desenvolvam sua personalidade. Assine nossa newsletter na barra lateral e fique de olho em nossas próximas dicas!